A mágica e imediata ausência do tempo presente....








...nesta cidade, a minha cidade, antes de esmorecer no fluxo da eternidade.












© Texto e Fotos Luis Conde
Bailarina, Virginia Diano Teijeiro
Lisboa, Setembro 2015