Rastos brancos dos aviões são relâmpagos























Sair é muitas vezes a solução quando se enfrentam problemas que implicam com o nosso quotidiano.
No bairro do Intendente encontrei pessoas que ficaram, algumas com essa vontade persistente de sair, mas ficaram, vidas inteiras até.
Assistiram às mudanças no seu tempo, desde quando o bairro era parte tão vivida como parte do coração de Lisboa até à degradação dos últimos anos.
Hoje pretende-se reabilitar o bairro, ao fotografá-lo senti que há uma parte que não precisa dessa reabilitação, antes irá misturar-se no que há-de vir.
Um passado com corpo e forma.




White trails left by planes are lightnings

Exit is often the solution when faced with problems involving our daily lives.
In the neighborhood of Intendente I found people who stayed, some with that persistent desire to leave, but stayed, entire lifes till.
Watched to changes in their time, from when the neighborhood was a part of the heart of Lisbon to the degradation of recent years.
Currently it is intended to rehabilitate the neighborhood, by photographing it felt that there is a part that does not need these rehabilitation, instead it will blend into the is to come.
A past with body and shape



Trabalho realizado durante o workshop Photographic Narratives in Intendente, orientado por Paulina Valente Pimentel.
Apoio Casa Independente

Work carried out during the workshop Photographic Narratives in Intendente, oriented by Pauliana Valente Pimentel.

© All photos Luis Conde
Lisbon, 2015